sexta-feira, março 12, 2010

amizade


Não sei... Se a vida é curta
Ou longa demais pra nós,
Mas sei que nada do que vivemos
Tem sentido, se não tocamos o coração das pessoas.

Muitas vezes basta ser:
Colo que acolhe,
Braço que envolve,
Palavra que conforta,
Silêncio que respeita,
Alegria que contagia,
Lágrima que corre,
Olhar que acaricia,
Desejo que sacia,
Amor que promove.

E isso não é coisa de outro mundo,
É o que dá sentido à vida.
É o que faz com que ela
Não seja nem curta,
Nem longa demais,
Mas que seja intensa,
Verdadeira, pura...
Enquanto durar.

(CoraCoralina)




"Se pudéssemos ter consciência do quanto nossa vida é passageira,

talvez pensássemos duas vezes antes de jogar fora as oportunidades
que temos de ser e de fazer os outros felizes!!"

domingo, março 07, 2010

Como um Homem escolhe uma Mulher ?





Um homem tinha três namoradas e não sabia com qual delas deveria casar. Resolveu, então, fazer um teste para ver qual estava mais apta a ser asua mulher. Tirou 15 mil euros do banco, deu 5 mil para cada uma e disse:
- Gastem como quiserem.

A primeira foi ao shopping, comprou roupas, jóias, foi ao cabeleireiro,salão de beleza, etc. Voltou para o homem e disse: - Gastei todo o teu dinheiro para ficar mais bonita para ti, para teagradar. Tudo isso porque te amo.

A segunda foi ao mesmo shopping, comprou roupas para ele, um leitor de CD, uma televisão écran plano, dois pares de ténis para jogar basquetebol,tacos de golfe e filmes porno. Voltou para o homem e disse: - Gastei todo o teu dinheiro para te fazer mais feliz, te agradar.Tudo isso porque te amo.

A terceira pegou no dinheiro, aplicou em acções. Em três dias duplicouo investimento, devolveu os 5 mil Euros para o homem e disse: - Apliquei o teu dinheiro e ganhei o meu. Agora posso fazer o quequiser com o meu dinheiro.Tudo isso porque eu te amo.

Então o homem pensou, pensou... pensou... pensou... pensou... pensou... pensou... pensou... pensou... (os homens, pensam muito...)

pensou... pensou... pensou... pensou... pensou... pensou... pensou... pensou... pensou... pensou... pensou... pensou... pensou... pensou... pensou... pensou... pensou... pensou... pensou... pensou... pensou... pensou... pensou... pensou....

(os homens, pensam mesmo muito...) pensou... pensou... pensou... pensou... pensou... pensou... pensou... pensou... pensou... pensou... pensou... pensou... pensou... pensou... pensou...

E casou com aquela que tinha as mamas maiores! Sim

(porque um homem, pensa muito... mas depois faz sempre asneira!)

domingo, fevereiro 28, 2010

Preciso de ti...


Hoje eu preciso de ti,
de te encontrar de qualquer jeito,
depois de um dia normal.
Olhar teus olhos que nada dizem
Hoje preciso de você...
Com qualquer humor,
Hoje ...
Quero- te dizer que vou mudar de caminho.
Qual ?
Aquele que tu não vais seguir

Não sei...

Não sei se vão ser dez, vinte ou muitas mais as vezes que te vou abraçar hoje, amanha e depois, não sei quantas vezes vamos sentir a magia nos braços um do outro, não sei...



...só sei que quero, enquanto estou nos teus braços a sensaçao é de conforto e segurança ... podera ser para sempre?

quarta-feira, fevereiro 03, 2010

BILHETE


Se tu me amas, ama-me baixinho
Não o grites de cima dos telhados
Deixa em paz os passarinhos
Deixa em paz a mim!
Se me queres,
enfim,
tem de ser bem devagarinho, Amada,
que a vida é breve, e o amor mais breve ainda...

Mário Quintana

domingo, janeiro 31, 2010

não sou para ser lembrada…



Hoje é um dia normal de Domingo, nada de aniversários, datas especiais, festas, jantares, cafés ou lanches… esta noite choveu mas quando acordei estava um lindo dia de sol. Acordei a meio da manha tal como todos os domingos faço sem vontade de sair da cama, quero dormir a mais neste dia o que durmo a menos na semana, mas o dever do trabalho e dos afazeres prevalece e tenho de ir arrumar a casa, cuidar da roupa e de mim, se tiver tempo…acordei como sempre despenteada, cheia de preguiça com vontade de ficar o dia todo na cama. Cheia de ideias com vontade de fazer tudo e depois não fazer nada…sem grande espírito de bom humor e ficar mais um dia no meu reinado de pijama…Só o telefone toca a dizer as horas… e dou comigo a pensar que tenho muitos dias assim como este…
…é o meu dia sem pressa e quando dou conta já passou… mas sabes, há dias especiais, porque, algo acontece ou porque vou beber um café, ou sai para ir ver o sol e ler um livro no equuspolis que te mostrei…porque uma amiga veio para lancharmos, também por receber uma mensagem tua …
Sabes, há coisas que mudam. E algo mudou… não tem que ser propriamente uma má mudança… mudar de ares, mudar simplesmente de roupa de penteado sentir-me diferente …mudar faz bem renova-me e recarrega-me energias… nem sempre é fácil mudar, mas também não e impossível …uma mudança simbólica como um penteado já marca a mudança... Mudar para melhor, ou talvez não, afinal de contas mudar faz parte…mudo muitas coisas, mas nunca dos amigos, dos meus peixinhos das coisas que acredito... não mudo nem substituo.
Porque tudo isto? (Estas a pensar) …porque hoje é dia de mudar…
Não e um simples mudar, não é porque me deu na cabeça: - vou mudar; ou porque me lembrei de mudar…é porque algo não esta bem, pelo menos para mim. Passo algumas horas a pensar em ti a recordar o que me dizes a tentar desvendar o homem que me atrai e seduz e no fundo tento descobrir…
Pois é, nem sempre é fácil mudar, pois a força do desejo e do descobrir impede … mas o desconhecimento, o desinteresse é evidente. Perdeu-se “o meu não sei o quê”, ou nunca quis ver…
De que me vale ser uma mulher autónoma, não andar a fazer perguntas do que fazes a toda a hora, confiar no que dizes e respeitar o teu espaço… será que reclamo o que não devo? Custa muito enviar uma SMS com um beijo? Um telefonema a dizer como estas? Vamos beber um café?
Isto é um ponto final, curiosamente é por email, pois o Sr. tem o tempo demasiado limitado para me responder as SMS e só me liga em casos extremos como o do outro dia, que nem te vi… podias ter ligado sim, para dizer: -passas-te por mim, não tenho direito a um bom dia? Acho que sou demasiado prática, sincera, tinha-te dito que és livre só estamos se quisermos, mas não sou para ser lembrada…





"É mais fácil esperar do que desistir...
É mais fácil desejar do que esquecer
É mais fácil sonhar do que perder
E para quem vive a sonhar é muito mais fácil VIVER..."
Margarida R Pinto in" Diário da tua Ausência"

quarta-feira, janeiro 27, 2010





" Lembro-me muito bem de todos esses momentos. Sei que a memória é mentirosa, mas tenho a certeza que nisto não me está a trair, porque nunca conheci ninguem tão meigo, nem cuidadoso como tu.À saída de casa, do hotel, de um restaurante, tinhas comigo gestos que nenhum homem jamais tivera; fechavas-me o casaco, botão a botão, enrolavas-me o cachecol á volta do pescoço, depois, com as tuas mãos brancas e lisas, levantavas com cuidado o meu cabelo que ficara entalado debaixo das golas ou do cachecol.A ultima vez que fizeste isso, tremi um pouco, queria que aquele momento durasse para sempre, por isso pedi-te, demora só um bocadinho mais a arranjar-me por favor, só um bocadinho mais...e tu riste-te, como se eu estivesse a dizer disparates."

Margarida R. Pinto in " O Diário da tua ausência"

terça-feira, dezembro 15, 2009

A SOLIDÃO



Ela vem como um anjo,


como uma criança inocente,


dando-nos a esperança que ela nos trará a alegria e a paz


que até agora não haviamos encontrado.


Num certo momento, vimos que tudo está como não era antes.


Encontramos o que menos desejávamos:A Solidão.


A Solidão é assim:


em certos momentos nos traz


a paz em estarmos só, mas em outros, nos traz


arrepios e calafrios em estarmos inseguros,sem ninguém para nos proteger.


O anjo veda-nos os olhos com uma faixa negra e nos põe em um quarto,


onde as paredes são repletas de espinhos...


e nos faz incapazes, transformando-nos


em pessoas frias e inúteis.


A única maneira de nos livrarmos dela,


é apenas descruzarmos os braços e arrancar com toda ferocidade o que nos cega.


É termos coragem para enfrentar o obscuro.


Só assim conseguiremos verque nas paredes, além de espinhos, haviam flores.


Lindas flores.


E que no outro lado daquela faixa negra,


o anjo havia escrito que a felicidade só dependeria de mim,


só dependeria do meu amor.(Nylda)

domingo, novembro 15, 2009

palavra da razão...



As palavras não são suficientes para descrever sentimentos...



quinta-feira, fevereiro 19, 2009


É Proibido

É proibido chorar sem aprender,
Levantar-se um dia sem saber o que fazer
Ter medo de suas lembranças.

É proibido não rir dos problemas
Não lutar pelo que se quer,
Abandonar tudo por medo,

Não transformar sonhos em realidade.
É proibido não demonstrar amor
Fazer com que alguém pague por tuas dúvidas e mau-humor.
É proibido deixar os amigos

Não tentar compreender o que viveram juntos
Chamá-los somente quando necessita deles.
É proibido não ser você mesmo diante das pessoas,
Fingir que elas não te importam,

Ser gentil só para que se lembrem de você,
Esquecer aqueles que gostam de você.
É proibido não fazer as coisas por si mesmo,
Não crer em Deus e fazer seu destino,

Ter medo da vida e de seus compromissos,
Não viver cada dia como se fosse um último suspiro.
É proibido sentir saudades de alguém sem se alegrar,

Esquecer seus olhos, seu sorriso, só porque seus caminhos se
desencontraram,
Esquecer seu passado e pagá-lo com seu presente.
É proibido não tentar compreender as pessoas,
Pensar que as vidas deles valem mais que a sua,

Não saber que cada um tem seu caminho e sua sorte.
É proibido não criar sua história,
Deixar de dar graças a Deus por sua vida,

Não ter um momento para quem necessita de você,
Não compreender que o que a vida te dá, também te tira.
É proibido não buscar a felicidade,

Não viver sua vida com uma atitude positiva,
Não pensar que podemos ser melhores,
Não sentir que sem você este mundo não seria igual.

Pablo Neruda

sexta-feira, janeiro 16, 2009

Ausência

"Eu deixarei que morra em mim o desejo de amar teus olhos que são doces
Porque nada te poderei dar senão a mágoa de me veres eternamente exausto.
No entanto a tua presença é qualquer coisa como a luz e a vida
E eu sinto que em meu gesto existe o teu gesto e em minha voz a tua voz.


Não te quero ter porque em meu ser tudo estaria terminado.
Quero só que surjas em mim como a fé nos desesperados
Para que eu possa levar uma gota de orvalho nesta terra amaldiçoada
Que ficou sobre a minha carne como nódoa do passado.
Eu deixarei... tu irás e encostarás a tua face em outra face.


Teus dedos enlaçarão outros dedos e tu desabrocharás para a madrugada.
Mas tu não saberás que quem te colheu fui eu, porque eu fui o grande íntimo da noite.
Porque eu encostei minha face na face da noite e ouvi a tua fala amorosa.
Porque meus dedos enlaçaram os dedos da névoa suspensos no espaço.
E eu trouxe até mim a misteriosa essência do teu abandono desordenado.
Eu ficarei só como os veleiros nos pontos silenciosos.
Mas eu te possuirei como ninguém porque poderei partir.
E todas as lamentações do mar, do vento, do céu, das aves, das estrelas.
Serão a tua voz presente, a tua voz ausente, a tua voz perenizada."
Vinícius de Moraes

sábado, julho 26, 2008

Afinal que procuramos nós?


Aqui sentada entre nadas e tudos dos quais ainda nada sei... e assim continuarei sem nada saber... Não entendo como na realidade somos infieis a nós proprios; esta no sangue da raça humana... porque procuramos tanto? ou tão pouco afinal quando temos aquilo que procuramos deixa de ser interessante... um conjunto de nadas e sentimentos dos quais nem sabemos bem o que queremos... (eu mesma já pus um fim a este blog e euzinha aqui a deixar mais um post este e dos exemplos mais simples...)

Afinal que procuramos nós? Será que procuramos alguma coisa? ou o jogo do rato e gato e interessante? Ou o amor, a felicidade, a paz a estabilidade... aquilo que provavelmente todos queremos e tão inalcançavel? que hoje e bom amanha não chega... PORQUÊ??? idializamos uma pessoa que nos preencha... afinal nem nós somos perfeitos porque esperar da outra pessoa a perfeição?!?! afinal porque temos nós de enviar sms a mil e tal e afinal esta aqui tão perto aquilo que queremos... porque encher o ego noutro vazio? ai é tudo tão simples e complicamos tanto...

domingo, julho 20, 2008

??!?!!?


Queria entender um pouco mais acerca da mente humana... sim, porque nunca sabemos o que pensam ou podem pensar com uma simples conversa de passar tempo... li um livro que tinha como titulo os "homens sao de marte as mulheres de venus", de JOHN GRAY e achei que fiquei a conhecer e saber entender melhor os homens mas não e bem assim... conheci alguém que me parece ser uma exelente pessoa mas nas coisas mais simples complica... porque?

domingo, julho 13, 2008

amanha...


Não me esqueço e nem faço questão disso...Toda a carga de vida que temos não e para ser esquecida mas sim para defenir o que queremos ou não da nossa vida, criar objectivos e linhas de vida... ao longo deste percorrer de anos já fiz muitas coisas desde rir a chorar, já me queimei a brincar com um fósforo, mastiguei pastilha ate ficar sem sabor, já falei com o espelho, já fingi ser uma heroina. Já quis ser bailarina, decoradora, cantora, professora, já me escondi para me encontrarem; depois da praia tomo um duche pequeno e faço um grande chichi. Já roubei um rebuçado de mentol,já confundi os sentimentos, ja me perdi em cidades e encontei aldeias. Gosto de rapar o tacho quando faço doces, já me cortei ja me maguei, choro ao ouvir um som...Já tentei esquecer pessoas e descobri que não se esquecem...já vivi em sonhos cor-de-rosa, já subi árvores para roubar figos, já cai por ser distraida. Já vivi um amor que achava ser eterno, escrevi numa folha de papel para não pedir ajuda, chorei sozinha por algo que me aconteceu; já cortei o cabelo a minha maneira, já virei costas aos problemas e tudo ficou pior... já fiquei só no meio de uma multidão. Já requisitei o mar so para mim, já mergulhei na piscina e não quis sair mais, já bebi champanhe porque gosto, procurei o meu lugar e encontrei. Já senti medo, já tremi de nervos, já quase morri... e renasci novamente, já acordei no meio da noite para comer. Já apostei e perdi, chorei de felicidade, já pensei que o amor era para sempre, mas era um"para sempre" pela metade. já chorei por ver amigos partir e depois descobri que chegaram outros novos e que a vida é um ir e vir permanente. Foram tantas as coisas que fiz...

segunda-feira, novembro 26, 2007

FIM





Incrivelmente muita gente tem um dom especial! Pena que seja nos decepcionar!


Essa decepção só dói quando feita por aqueles que nos são especiais.

Alcançam uma enorme importância, para depois transformarem tudo num sentimento de revolta.

Sentimento esquisito,estranho.

Hoje são aquelas pessoas que nunca nos deixam sós, que dizem como seria bonito caminharmos juntos...

Amanha, demonstram aquele lado que desconhecemos. Fazem cair aquelas lágrimas que um dia prometeram que não haveriam.

Caí tudo no esquecimento.
Esquecimento esse que magoa, que dói e destrói tudo o que passou.

Gera-se assim o cansaço e fecha-se a porta ao mundo. Refugiamos-nos entre quatro paredes.

Ás vezes dou por mim a pensar num motivo para continuar... Tento não fracassar...Tento mostrar que sou capaz de percorrer um caminho feliz...

Mas sinto que por vezes nada passa de tentativas falhadas...

Já não sou aquela pessoa , que outrora fui!...

este blog deixou de fazer sentido há muito, pois foi construído para a pessoa que mais amei... onde expressava sentimentos, alegrias, gostos, desejos... tudo em vão... tentei mudar o propósito mas sem sentido... logo acaba aqui.

domingo, outubro 21, 2007

vamos dançar?

domingo, outubro 14, 2007

atira-te ao mar...

sábado, outubro 13, 2007

não sabes mas também não te digo...

Quando estamos juntos não sei descrever o que sinto...por mais que tente encontrar palavras não encontro... nem o dicionário mais completo as tem...é mesmo assim sente-se não se descreve...
também não te digo que és e serás especial, também sei que não vamos ficar juntos....
sei... não me perguntes porque mas sei isso desde o dia em que te vi...
sei que nos entendemos... mas só na paixão no fervilhar das hormonas nas surpresas que me fazes sei... és demais... para mim és muito... é só isto que não te digo...

e lindo... lindo demais...

quarta-feira, outubro 10, 2007

sinto ...



sinto garra, força...
tudo aquilo que ontem me desmoronou... hoje é força... força...
aprendi que as lágrimas só servem para desabafo... não resolvem nada....
as palavras que usas para mim ...
sabes? quero la saber da tua opinião... ou mesmo da dos teus amigos...
ou a do mundo inteiro... o que me interessa são os que me acompanham que gostam de mim como sou...

segunda-feira, outubro 08, 2007

sexta-feira, setembro 28, 2007

pensamentos...



Para meus amigos que estão...SOLTEIROS.
O amor é como uma borboleta.
Por mais que tente pegá-la, ela fugirá.
Mas quando menos esperar, ela estará ali, do seu lado.
O amor pode te fazer feliz, mas, às vezes, também pode te ferir.
Mas o amor será especial apenas quando você tiver o objetivo de se dar somente a
um alguém que seja realmente valioso.
Por isso, aproveite o tempo livre para escolher.

Para meus amigos NÃO SOLTEIROS...
Amor não é se envolver com a "pessoa perfeita", aquela dos nossos sonhos.
Não existem príncipes nem princesas..
Encare a outra pessoa de forma sincera e real, exaltando suas qualidades, mas,
sabendo também de seus defeitos.
O amor só é lindo, quando encontramos alguém que nos transforme no melhor que
podemos ser.

Para meus amigos que gostam de...PAQUERAR.
Nunca diga "te amo" se não te interessa.
Nunca fale sobre sentimentos, se estes não existem.
Nunca toque numa vida, se não pretende romper um coração..
Nunca olhe nos olhos de alguém, se não quiser vê-lo se derramar em lágrimas por
causa de ti.
A coisa mais cruel que alguém pode fazer é permitir que alguém se apaixone por
você, quando você não pretende fazer o mesmo...

Para meus amigos... CASADOS.
O amor não te faz dizer "a culpa é", mas te faz dizer "me perdoe".
Compreender o outro, tentar sentir a diferença, se colocar no seu lugar.
Diz o ditado que um casal feliz é aquele feito de dois bons perdoadores.
A verdadeira medida de compatibilidade não são os anos que passaram juntos, mas
sim o quanto nesses anos, vocês foram bons um para o outro.

Para meus amigos que têm um CORAÇÃO PARTIDO.
Um coração assim dura o tempo que você deseje que ele dure, e ele lastimará o
tempo que você permitir.
Um coração partido sente saudades, imagina como seria bom, mas não permita que
ele chore para sempre.
Permita-se rir e conhecer outros corações.
Aprenda a viver, aprenda a amar as pessoas com solidariedade, aprenda a fazer
coisas boas, aprenda a ajudar a própria vida.
A dor de um coração partido é inevitável, mas o sofrimento é opcional.
E lembre-se: é melhor ver alguém que você ama feliz com outra pessoa, do que
vê-la infeliz ao seu lado.

Para meus amigos que são...INOCENTES.
Ela(e) se apaixonou por ti, e você não teve culpa, é verdade.
Mas pense que poderia ter acontecido com você.
Seja sincero, mas não seja duro; não alimente esperanças, mas não seja
crítico;você não precisa ser namorado(a),
Mas pode descobrir que ela(e) é uma ótima pessoa, e pode vir a se tornar uma(um)
grande amiga(o).

Para meus amigos que TÊM MEDO DE TERMINAR.
Às vezes é duro terminar com alguém, e isso dói em você.
Mas dói muito mais quando alguém rompe contigo, não é verdade?
Mas o amor também dói muito quando ele não sabe o que você sente.
Não engane tal pessoa, não seja grosso(a) e rude esperando que ela(e) adivinhe o
que você quer.
Não a(o) force a terminar contigo, pois a melhor forma de ser respeitado é
respeitar.
E a melhor forma de respeitá-la(o) é sendo verdadeiro(a) e sincero(a).
Lembre-se...o tempo passa e não volta atrás; não adianta dar murro em ponta de
faca...

Pra terminar.......
Eterno é tudo aquilo que dura uma fração de segundo, mas com tamanha
intensidade, que se petrifica, e nenhuma força jamais o resgata...
Mário Quintana

a tua substituta... a solidão



À noite, a solidão é a minha companheira, tornam-se ainda mais dolorosas as recordações e as saudades... as saudades que sinto por ti...
Perco-me em ti, nas lembranças de nós, daquilo que vivemos (e poderíamos ter vivido? ) Será que me adoras ou quase me amas como me dizias...
tudo aquilo o que nós sentimos, por tudo o que sonhamos...a combustão sentida em nossos corpos...
Questiono- me e questiono-te : sentes a minha falta?
Questiono ainda, se me adoras ou quase me amas nestas noites... se desse lado, a solidão também toma conta de ti...
Será que que um dia destes vais acordar abraçado a mim...como tantas vezes aconteceu...
Sempre que te vejo, todo o meu ser estremece, são aquelas borboletas aqui na barriga... é um toque aqui bem fundo no meu coração... a pele arrepia...
Eu sonho...E tu? Também me tens nos teu sonhos?
Sempre que te olho, nos olhos, esqueço-me de tudo...
Sempre que te beijo perco-me na magia das estrelas...

sábado, setembro 22, 2007



Quando veio,

Mostrou-me as mãos vazias,

As mãos como os meus dias,

Tão leves e banais.

E pediu-me

Que lhe levasse o medo,

Eu disse-lhe um segredo:

«Não partas nunca mais»



E dançou,

Rodou no chão molhado,

Num beijo apertado

De barco contra o cais.



E uma asa voa

A cada beijo teu,

Esta noite

Sou dono do céu,

E eu não sei quem te perdeu.



Abraçou-me

Como se abraça o tempo,

A vida num momento

Em gestos nunca iguais.

E parou,

Cantou contra o meu peito,

Num beijo imperfeito

Roubado nos umbrais.



E partiu,

Sem me dizer o nome,

Levando-me o perfume

De tantas noites mais.



E uma asa voa

A cada beijo teu,

Esta noite

Sou dono do céu,

E eu não sei quem te perdeu.

quinta-feira, setembro 20, 2007

"o AMOR nao e uma ideia nem precisa de palavras...ELE ACONTECE..."


James Blunt - Goodbye My Lover (tradução)
James Blunt

Eu te desapontei ou decepcionei?
Eu devia me sentir culpado ou deixar os juízes
desaprovarem?
Porque eu vi o fim antes de começar,
sim, eu vi que você estava cega e eu sabia que tinha
vencido
Então eu tomei o que é meu por eterno direito
Tomei sua alma durante a noite
Talvez isso tenha acabado, mas não vai parar aí
Eu estou aqui por você, se você se importasse
Você tocou meu coração, tocou minha alma.
Você mudou minha vida e meus objetivos
E o amor é cego e eu soube disso quando
Meu coração estava cego por você
Beijei seus lábios e segurei sua cabeça.
Partilhei seus sonhos e a sua cama.
Conheço-te bem, conheço o seu cheiro.
Eu estive viciado em você.

Refrão:
Adeus meu Amor.
Adeus minha amiga.
Você tem sido a única
Você tem sido a única para mim(bis)


Sou um sonhador, mas quando acordo,
Você não pode destruir meu espírito - são meus sonhos
que você toma
E quando você seguir em frente, lembre-se de mim
Lembre-se de nós e tudo que costumávamos ser
já te vi chorar, já te vi sorrir
Observei-a dormindo por um instante
Eu seria o pai do seu filho
Eu passaria uma vida inteira com você
Eu conheço seus medos e você conhece os meus
Nós tivemos nossas dúvidas, agora nós estamos bem
E eu te amo, juro que é verdade
eu não posso viver sem você

Refrão

E ainda seguro sua mão na minha,
Quando estou dormindo
E eu irei aguentar minha alma no tempo,
Quando eu estiver ajoelhando aos seus pés

Estou tão vazio, querida, estou tão vazio
Estou tão, estou tão, estou tão vazio

sábado, setembro 08, 2007

“A gente pode
morar numa casa mais ou menos,
numa rua mais ou menos,
numa cidade mais ou menos
e até ter um governo mais ou menos.
A gente pode
dormir mais ou menos,
comer um feijão mais ou menos,
ter um transporte mais ou menos
e até ser obrigado a acreditar mais ou menos no futuro.
A gente pode olhar em volta
e sentir que tudo está mais ou menos.
Tudo bem.

O que a gente não pode mesmo,
nunca, de jeito nenhum,
é amar mais ou menos,
é sonhar mais ou menos,
é ser amigo mais ou menos,
é namorar mais ou menos,
é acreditar mais ou menos.

Senão a gente corre o risco de se tornar
uma pessoa mais ou menos.“

segunda-feira, setembro 03, 2007

O Último Abraço Que Não Dei


Ah, se eu soubesse que era a última vez...
não teria dito nada do que disse,
não teria feito nada além de te abraçar
e aproveitar cada segundo
sem tirar os olhos de ti...

Se me tivessem avisado que era a última vez,
eu poderia implorar pra que tu ficasses
mais um pouco,
só pra te explicar que mais um pouco
seria muito pouco,
e que por menos que fosse pouco,
já seria muito pra mim...

Se eu soubesse, ah, se eu soubesse!
te falaria mil coisas, sem dizer uma palavra,
te mostraria mil dias de agonia, em um olhar...

E quando tu tivesses saindo,
eu te chamaria de volta,
só pra dizer mais uma vez o
"Eu Amo TE"
que ninguém mais vai ouvir,
e te dar um último abraço,
com o amor que ninguém mais vai te entregar.
Não importa o lugar ,
Pensa em mim ...
Não gostaria de saber
Que fui esquecida ...
E gostaria de sentir
Que estou do teu lado ,
Fazendo companhia
No silêncio dos teus pensamentos ...
Pensa em mim ...
Nem que seja por um segundo ...
Pensa em mim ...
Não somente quando estiveres só ,
Mas quando sentires o tempo voar ...
Quando sentires ,
Que o fim de semana está para chegar ...
Pensa em mim ...
Não com saudade ,
Mas com vontade e certeza de que ,
Caminhando entre os campos me encontrarás ...
Pensa em mim com alegria ,
Pois a verdade é que pensarei em ti ,
Onde quer que eu esteja ...

não sei...

Não sei escrever tudo o que sinto,mas aquilo que vem dentro de mim e imenso e indescritível é como tu sentires algo que por mais que queiras não consegues explicar...

Não sei amar de morrer porque para mim amar é viver... sentir, sorrir, abraçar...

Não sei sonhar todos os meus sonhos, só sei sonhar o que o meu coração pede, o que vem dentro de mim que por vezes não consigo comandar...

Não sei dar tudo de mim, dou mais do que aquilo que tenho...aquilo em que acredito...

Não sei quase nada da vida, mas sei que é bom existir...
Tudo o que eu sei é que a vida é linda e que enquanto houver amor, um sorriso, paixão, vale a pena viver. viver e viver...

Eu não sei... mas um dia vou ter tudo aquilo que procuro... aquilo que nem sei se há...

desejo....

Desejo:
algo que me enlouqueça, estremece o corpo e arrepia a alma...

Desejo:
de correr na chuva e cantar ou mesmo e brincar com a espuma do mar;

Desejo:
Sentir sem medo... de magoar o coração

Simplesmente desejo,
Pele arrepiada, boca cheia d'água, cheiro de carícia.

Desejo: pureza, doçura, romantismo...

Desejo um final de tarde ao som das velas e cheiro a champanhe...

Desejo: mistura maluca de corpo, de mente, de alma, mistura fascinante do certo com o errado, do belo e do feio, do doce e do amargo....

Desejo: vontade de te ter para qualquer coisa, para passar o dia vivendo emoções ou simplesmente para não fazer nada.... mas sentir muito

Desejo: Vontade De Viver a Tua Vida e De Te Deixar Viver a Minha, Intensamente, Inteiramente ser tua e tu meu...

Com muito DESEJO... eu desejo-te

quarta-feira, agosto 22, 2007

Gosto de gente assim...

Blog images codes



Gosto de gente

com a cabeça no lugar...

de conteúdo interno,

de idealismo nos olhos

e dois pés acentes no chão da realidade.



Gosto de gente

que ri, chora,

que se emociona

com uma simples sms,

ou um telefonema.



Gosto de gente

que se emociona

com uma canção suave,

um bom filme,

um bom livro,

um gesto de carinho,

um abraço apertado.



Gente que ama e curte as saudades,

gosta de amigos,

cultiva flores,

ama os animais,

admira paisagens

escuta o som do silencio.



Gente que tem tempo

para sorrir de bondade,

semear operdão,

repartir a ternura,

compartilhar vivências da vida...



Gente que tem tempo

para dar espaços

para as emoções dentro de si,

emoções que fluem

naturalmente de dentro

do seu ser.



Gente que gosta de fazer

coisas que gosta,

sem fugir aos compromissos

difíceis e inadiáveis,

por mais desgastantes

que sejam.



Gente que colhe,

orienta e se entende,

aconselha, busca a verdade

e que quer sempre aprender mais,

mesmo que seja de uma criança, de um pobre, de um analfabeto.



Gente de coração desarmado,

sem ódio e preconceitos baratos, com muito amor dentro de si para partilhar.



Gente que erra e reconhece,

cai e se levanta,

apanha e assimila os golpes,

tirando lições dos erros cometidos

e fazendo das suas lágrimas e sofrimentos aprendizagem de vida.



Gosto de gente assim...


Olha o céu meu amor

Você já viu a lua?
Pois é, esta ai fora,
Nua, que nem você.
Linda, muito linda.
Os raios entram pela
Fresta da janela.
Parece uma festa,
Que nem você que fica
De calcinhas e aninha as
Minhas fantasias,
Fantasias minhas, da mina cabeça.
E eu aqui agarrado nesse lápis,
nesse papel, de gin tônica,
queijos e azeitonas.
Poemas atonal, actual, banal,
Que nem jornal, afinal,
É assim que eu tento ser feliz.
Brinco de ser feliz...
E por um triz, que nem chão de giz,
Riscado, desenhado nas paredes
Desse querer, e eu querendo o
Teu querer, sem querer ser muito
Exigente, inteligente...
Só um pouco.
Muito mais carnal, do que normal.
Talvez meio colegial, mas é legal
Te sentir assim.
Mas, você já viu a lua?
Pois é, tá nua, crua,
Que nem você...
E bebo o gin, assim,
Que nem você...
Os desejos sobem a cabeça,
Me imagino peregrino
Dos teus beijos.
Cigano, e não me engano,
Dos teus desejos.
Incenso na casa,
Cheiro doce de lotus ,
Intenso, e as vezes penso,
Através da luz bruxuleante dessas
Velas, que tu estás a caminho...
Aninho esse sonho, essa vontade,
E olho a lua, com olhos sisudos,
Mudos de te ver.
Você já viu a lua?
Pois é, tá na rua,
Pra todo mundo ver.
Alguns vêem... Outros não...
Então, eu penso no Pessoa...
E através do Pessoa, penso na
Pessoa de ti, que nem a lua.
É só a lua, e pronto.
Me invade, me preenche,
Enche e pronto.
Sem maiores explicações...
Não vim pra explicar.
Vim pra conquistar e
Ser conquistado.
Longe de mim ser colonizador.
A dor? Eu convivo com ela...
Vela? Não. Bela é a lua...
Bela é você.
Que vem vindo pela brecha da janela,
De cabelos soltos ao vento,
No meu pensamento, ungüento
Das minhas saudades.
Tarde? Não, é muito cedo
Pra ser infeliz.
Você já viu a lua?
Pois devia, tá linda.
Escorre no horizonte,
Qual chuva de prata.
As estrelas? Pobres das estrelas,
Nem brilham.
Também poderá...
Você e a lua juntas,
É covardia...
Tardia? Talvez, freguês
Dos teus afagos,
E o Alceu? Percebeu,
Escorre da vitrola, que nem
Lágrimas das velas.
Escorre quente, decente,
Indolente, entrementes,
Eu penso em você.
E a lua?
Tá lá ela...
Singela, donzela, e você,
É mais ela dentro de mim.
Only you!... Pois é...
Belchior na vitrola,
Controla o meu pensamento, e
Intenso eu me lembro de você.
Por quê? Ora.. "Diana, suburbana,
Suja de baton"...
Dê o tom, me suja de baton...
Eu te quero assim.
E esse poema, sem fim.
Eu acabo como?
De quimono? Não..
De quimono não.
Acabo sim, acabo!...
Acabo mesmo?
Não tenho tanta certeza.
Só a certeza dos teus afagos...
Assim fulgás, atrás dos teu carinhos.
Olha!... Olha pro céu...
Olha pro céu meu amor...
Tá vendo a lua?
Eu não... Só você.
Quer mais que isso?
Impossível.

segunda-feira, agosto 20, 2007

o sonho e uma segunda vida...

sábado, agosto 18, 2007




Ps_ lembras quando dizia para ouvires? agora digo de novo ouve, sente e recorda... afinal não foi tanto tempo desperdiçado

quinta-feira, agosto 09, 2007

mais uma...

Esta como tantas outras que teimam em não nos deixar... as brigas as chatices as contrariedades que temos, os mundos "do nada haver"... são longas e por vezes ate sem sentido... mas as pazes feitas na cama a "nossa" cama essas são de não esquecer são indescritíveis os momentos que passamos de prazer... o teu corpo suado acompanha o meu... o desejo que em nos existe e grandioso... recordo os teus gestos os teus gemidos cada pulsar, a ritmia de ambos ... no que irá dar?

sinto ...

Aquela coisa de não saber explicar o que passa connosco, de andar bem disposta e inventar mil e uma coisas para enviar uma sms só para te sentir por perto... o desejo de percorrer teu corpo pedaço por pedaço, o imaginário do teu beijo diferente de todos os outros, é verdade tens um beijo especial, o teu abraço quando sais perto de mim... a saudade que aperta apenas por algumas horas, o desejo ... humm sabes:
Sinto um friozinho no estômago quando teus lábios tocam os meus...

Ps- a pessoa em questão não sabe da existência do blog

quarta-feira, agosto 08, 2007

sexta-feira, agosto 03, 2007

Diz uma linda lenda árabe...

Diz uma linda lenda árabe que dois amigos viajavam pelo deserto e em determinado ponto da viagem discutiram. O outro, ofendido, sem nada a dizer, escreveu na areia:
Hoje, o meu melhor amigo bateu-me no rosto.

Seguiram e chegaram a um oásis onde resolveram banhar-se. O que havia sido esbofeteado começou a afogar-se sendo salvo pelo amigo. Ao recuperar pegou um estilete e escreveu numa pedra:
Hoje, o meu melhor amigo salvou-me a vida.

Intrigado, o amigo perguntou:
Porque é que quando te bati, escreveste na areia e agora escreveste na pedra? Sorrindo, o outro amigo respondeu: "Quando um grande amigo nos ofende, devemos escrever na areia onde o vento do esquecimento e do perdão se encarregam de apagar; porém quando nos faz algo grandioso, deveremos gravar na pedra da memória do coração onde vento nenhum do mundo poderá apagar".

hoje...

Hoje sinto que nós dois não existe,que existe um tu e eu,um eu e tu..

sexta-feira, julho 27, 2007

acreditar...

domingo, julho 22, 2007

Quero amar-te... sem que ninguém saiba...

"Quero amar-te como ninguém te amou;

Em toda a parte quero ter-te sem fim;

Como se fosses tu uma parte de mim;

Amar-te até desconhecer quem sou;



Quero encontrar-te se ninguém te encontrou;

Passear contigo entre as flores do jardim;

Colher as mais perfumadas que o jasmim;

Para que por ti saibas quem se apaixonou.



Quando te imagino sabes o que eu vejo:

Alguém que encheria todo o meu ego;

Por isso encontrar-te é o que eu almejo.



E se não podes amar-me por medo

Aqui te deixo um secreto desejo:

Seremos amantes em grande segredo!"

sábado, julho 14, 2007

5 anos...

Em que paro e penso em ti...
no que vivemos, no que foi passado
e sei que não tem futuro...
Recordo os momentos bons...
os beijos os meus desejos
ouço um som...
recordo cada amanhecer abraçada a ti...
os sorrisos,
o dia em que tocas-te a campainha só para me beijar...
ou a minha primeira vez ao luar.
recordo o mais importante do nosso amor
o que aprendemos juntos
os dias de futebol
os dias de dança
os almoços de família
os Natais e tantos mais...
uma coisa eu não recordo
os maus momentos
em especial o fim...
quando olho as fotos ainda nas mesmas molduras...
recordo assim o passado...
que não tem presente nem futuro...

sábado, julho 07, 2007

saudade...

De manha sinto a tua falta em minha cama
a saudade aperta
sinto o desejo...
saudade...
saudade significa que estivemos juntos...
saudade de ti... de nós
saudade do teu sorriso
da tua mão
do teu abraço, aquele que me conforta
que me dás sempre de manhã...
alias me davas...
saudades por vezes apertam...

terça-feira, julho 03, 2007

ha dias assim...

A vida é feita de coisas, muitas coisas, boas menos boas, más, coisas que nem sabemos que existem, ou que iriamos passar por elas o que e certo e que estamos cá... que sei que o passado não se esquece e o futuro não se sabe...

segunda-feira, julho 02, 2007

sussurro...

-Temos de falar.
-Pois...
-As coisas assim não correm bem, somos diferentes e são zangas atrás de zangas não estou para isto...
- Já somos 2 eu também não
-Mas sabes, tive saudades tuas...
-Eu também... do teu beijo, toque das noites de amor... mas também tuas, de ti...
-hummm
-Podemos sempre fazer as pazes...
-heheh-Beijas minha boca com audacia, desejo e prazer... depois despes minha roupa com pressa beijas meus seios, percorres a minha pele... levas-me ao deleite carnal tudo a volta deixa de existir somos só nós, minto nós e nosso prazer voluptuoso...
-Sou teu...- o teu sussurro entra mim ...

quinta-feira, junho 28, 2007

21:21


-Quando olhares para o relógio são 21:21.
-São?!!! - espero alguns minutos para ter a certeza que não e bem assim mas... quando me viro olho, e o meu espanto 21:21- hehe como sabias?
- Não sei...
-Pois pois...
Pegas em mim e beijas meus lábios abraças meu corpo... o teu toque o teu sussurro dizendo que as saudades apertaram... que não queres mais zangas mais chatices acabou... a respiração aumenta o teu rosto sorri... o calor dos corpos aumenta o desejo ter-te em meus braços ter teu corpo...
-sou teu...
-sou tua
o teu toque... beijo, tua língua leva-me a viajar...carinho... humm os gemidos a dança do amor... e sincronizada com prazer...corpos suados... a noite cai e o ritmo continua... nada mais existe só nos e aquela cama... de prazer e cansaço adormecemos...
os raios de sol despertam o novo dia...
-Desejo-te...- susurras ao ouvido

segunda-feira, junho 25, 2007



Na imensidão das minhas asas,
Que me fazem voar sem limites,
Pairar pela eterna busca…
Na desenfreada procura do teu Amor.

Pelo teu corpo de cetim negro…
Que contemplo e protejo.
Ensejo o desejo de percorre-lo,
Com as minhas mãos,
Inseguras no toque…
Tremulas de prazer…
Mas Firmes e determinadas,
No querer…

No teu corpo de ceda Negra…
Que beijo e mordo,
Que salivo e percorro…
Com a minha boca,
Ingiro o teu cheiro…
Devoro o teu desejo…
Seguro o teu estremecer…
De Prazer…

E voo neste teu mundo de trevas
Convicto de certezas…
Da minha Paixão…
Navego num mar de sonho,
De um dia voltares comigo,
Ao meu sétimo céu…
No fundir da tua alma negra.
Com a minha Aura branca…

sábado, junho 23, 2007

as 7 maravilhas...

Vamos la heheh

Regulamento:

1. Podem participar na votação todos os bloggers que mantenham blogues activos há mais de um mês [os outros esperem por outra ideia brilhante que alguém irá ter].
2. Cada blogger deverá referenciar sete nomes de blogs. A cada menção corresponde um 1 voto.
3. Cada blogger só poderá votar uma vez, e deverá publicar as suas menções no seu blog [da forma que melhor lhe aprouver], enviando-as posteriormente para o seguinte e-mail: 7.maravilhas.blogoesfera@gmail.com. No e-mail, para além da escolha, deverão indicar o link para o post onde efectuaram as nomeações. A data limite para a publicação e envio das votações é dia: 01/07/2007.
4. De forma a reduzir alguns constrangimentos [e desplantes], e evitar algumas cortesias desnecessárias, também são considerados votos nulos:
- Os votos dos blogger(s) em si próprio(s) ou no(s) blogue(s) em que participa(m);
- Os votos no blog O Sentido das Coisas.
No dia 7.7.2007 serão anunciados os vencedores e disponibilizadas todas as votações.

aqui vai os meus escolhidos:

* Vero Piacere
* Memórias Secretas
* B`Araujo
* Arco-íris no céu
* Vida de casado
* A ternura dos 40
* coisas de gaja

sexta-feira, junho 22, 2007

quero deixar uma nota...

A pessoa que se dá ao trabalho de andar a mexer no meu hi5, e nas contas de email que tenho. Achar engraçado bloquear-me o email andar a escrever que sou bi, que fumo e bebo que faço e que não faço, andar a difamar-me a dizer o que lhe apetece é o seguinte estou-me nas tintas que só hoje e que vi que tinha bi no meu hi5 olha quem sabe não me da credito ser mediática hhehehe mas aconselho a pessoa em questão que se ponha na sua vida; que viva a vida siga em frente a vida são 2 dias e não vale de nada andar a cheirar a vida dos outros, ate porque eu ja tenho mais de 18 anos e faço o que bem entendo da minha vida.
Isto é, só um conselho porque eu não tenho problema nenhum em abrir um email todos os dias até porque raramente agora venho a net, eu não tenho que justificar nada a ninguém logo posso ser bi ou tri ou homo ou hetro isso agora até e moda por isso entre na moda, quem não tem que fazer da para isto...

Passe bem

quarta-feira, junho 13, 2007

Recomeçar...

"Não importa onde você parou...
em que momento da vida você cansou...
o que importa é que sempre é possível e
necessário recomeçar".

Recomeçar é dar uma nova chance a si mesmo...
é renovar as esperanças na vida e o
mais importante...
acreditar em você de novo.

Sofreu muito nesse período?
foi aprendizado...
Chorou muito?
foi limpeza da alma...

Ficou com raiva das pessoas?
foi para perdoá-las um dia...
Sentiu-se só por diversas vezes?
é por que fechaste a porta até para os anjos...

Acreditou que tudo estava perdido?
era o início da tua melhora...
Pois agora é hora de iniciar...
de pensar na luz...
de encontrar prazer nas coisas simples de novo.

Que tal :
Um corte de cabelo arrojado...diferente?
Um novo curso...ou aquele velho desejo
de aprender a pintar...desenhar...
dominar o computador...
ou qualquer outra coisa...

Olha quanto desafio...quanta coisa nova
nesse mundão de meu Deus te esperando.
Tá se sentindo sozinho?
besteira...tem tanta gente que você afastou
com o seu "período de isolamento"...
tem tanta gente esperando apenas um sorriso
teu para "chegar" perto de você.

Quando nos trancamos na tristeza...
nem nós mesmos nos suportamos...ficamos horríveis...
o mal humor vai comendo nosso fígado...
até a boca fica amarga.

Recomeçar...hoje é um bom dia para
começar novos desafios.
Onde você quer chegar? ir alto...
sonhe alto... queira o melhor
do melhor...
queira coisas boas para a vida...
pensando assim
trazemos prá
nós aquilo que desejamos...
se pensamos pequeno...
coisas pequenas
teremos...
já se desejarmos fortemente o melhor
e principalmente lutarmos
pelo melhor...
o melhor vai se instalar na nossa vida.

E é hoje o dia da faxina mental...
joga fora tudo que te prende ao passado...
ao mundinho de coisas tristes...
fotos...peças de roupa,
papel de bala...ingressos de cinema
bilhetes de viagens... e toda aquela
tranqueira que guardamos quando nos
julgamos apaixonados...
jogue tudo fora... mas principalmente...
esvazie seu coração...
fique pronto para a vida...
para um novo amor...

Lembre-se somos apaixonáveis...
somos sempre capazes de amar
muitas e muitas vezes... afinal de contas...
Nós somos o "Amor"...

" Porque sou do tamanho daquilo que vejo,
e não do tamanho da minha altura." Carlos Drummond Andrade

Paulo Roberto Gaefke

quinta-feira, junho 07, 2007

porque...

Porque a vida continua...
Porque aprendemos a vêr as coisas com outros olhos
Porque a cada dia que passa as ideias mudam,
os sentimentos alteram...
Porque um dia amei,
outro detestei...
Porque num dia deixo tudo para traz
Porque tudo e muito e nada e pouco...
ou o nada e muito e tudo e pouco?
porque que vida continua....
Porque hoje e certo e ontem foi errado
ou errado hoje e certo ontem
porque sim,
ou porque não...



A Lua às vezes tem o formato de vírgula para mostrar
que nem no infinito a amizade e o carinho!

Que nossa amizade seja sempre uma vírgula...

Sem ponto final...

A você o meu eterno carinho.

*******************************************************************************
A glória da amizade não é a mão estendida,

nem o sorriso carinhoso,

nem mesmo a delícia da companhia.

É a inspiração espiritual que vem

quando você descobre

que alguém acredita e confia em você.

*******************************************************************************
Estamos distantes e ao mesmo tempo tão perto...
A amizade que nos une pode vencer todas as distâncias.

Ela sim é mais forte que o tempo. Ela sim poderia atravessar
a imensidão do espaço e transcender os limites da vida.

Sim... Como ela é forte, pois essa amizade nada nem ninguém
destruirá. Que perdure enquanto nossas almas existirem...

Que nem a distância, nem o tempo e nem mesmo
os nossos erros, terminem a nossa amizade.

Nada é mais valioso do que ela.

sexta-feira, abril 27, 2007

sábado, abril 21, 2007

Amor não se implora, não se pede, não se espera...
Amor vive-se ou não...

trocadilho...



"Se o homem soubesse o valor que tem a mulher andaria de quatro à sua procura..."

Se você for mulher, certamente colocou a vírgula depois de "mulher". Mas, se você for homem, certamente a colocou depois de "tem".
Cada um puxa a sardinha para o seu lado. heheh

quinta-feira, abril 19, 2007


"lagrima que escorre por esse rosto suave, pelas alegrias tristezas pelos momentos marcantes que o tempo foi deixando rasto no peito, onde o silencio a indiferenca magoa a cada momentos que passa, por vezes pode acabar algo, mas a amizade essa nunca deveria acabar, deveria ser mais forte, visto a decada que passaram juntos, pode ser ignorancia, ou ipocrizia, mas mais tarde será arrependimento..."

quinta-feira, abril 12, 2007

"Existe somente uma idade para a gente ser feliz, somente uma época na vida de cada pessoa em que é possível sonhar e fazer planos e ter energia bastante para realizá-los a despeito de todas as dificuldades e obstáculos. Essa idade tão fugaz na vida da gente chama-se PRESENTE e tem a duração do instante que passa...!

terça-feira, abril 10, 2007

"Os vinhos são como os homens: com o tempo, os maus azedam e os bons apuram."

segunda-feira, abril 09, 2007

Eu não sei quem te perdeu...



Quando veio,
Mostrou-me as mãos vazias,
As mãos como os meus dias,
Tão leves e banais.
E pediu-me
Que lhe levasse o medo,
Eu disse-lhe um segredo:
"Não partas nunca mais".

E dançou,
Rodou no chão molhado,
Num beijo apertado
De barco contra o cais.

E uma asa voa
A cada beijo teu,
Esta noite
Sou dono do céu,
E eu não sei quem te perdeu.

Abraçou-me
Como se abraça o tempo,
A vida num momento
Em gestos nunca iguais.
E parou,
Cantou contra o meu peito,
Num beijo imperfeito
Roubado nos umbrais.

E partiu,
Sem me dizer o nome,
Levando-me o perfume
De tantas noites mais.

E uma asa voa
A cada beijo teu,
Esta noite
Sou dono do céu,
E eu não sei quem te perdeu.

quinta-feira, abril 05, 2007

o tempo...



Há medida que ele passa

as coisas mudam dos sentimentos sugem...

a saudade aperta e tu nao estas cá...

a medida que ele passa tu desistes

não entendes não vês...

para ti o tempo não existe, para ti tempo é passado...

espero que este teu passado seja uma boa recordaçao de futuro...

o tempo separa...

quando esse dia chegar nao chores,ama e pensa em mim

se alguém perguntar "que aconteceu?"

diz só que existi para ti...

mas se alguém perguntar o que fiz?

diz apenas isto: ela me amou...

segunda-feira, abril 02, 2007


Não e por sorrir que estou contente,
não e por estar de pé que me sinto a maior...